Matérias:

Músicas   Amigos da Not. Icém                    Bloco kitoloko   Festa F. Ano Icém
               Músicas                                           Amigos                                                       B. Kitoloko                                 Festa F. Ano Icém

29 de setembro de 2014

CONTRA FATOS… (Kibe Loco)


Funcionários de cemitério desenterram mulher após ouvir gritos de dentro do caixão.

Funcionários de um cemitério na Grécia desenterraram uma mulher após ouvir gritos vindo de dentro do caixão após o enterro de uma paciente de câncer.
Em depoimento à polícia, um dos homens disse ter escutado berros e batidas de uma mulher de 49 anos que havia sido considerada morta.
Tanto os funcionários quanto as pessoas que passavam pelo local tentaram em vão desenterrar a mulher. Era tarde demais quando a tiraram do caixão.
A polícia chegou ao local junto com um médico legista. Ele afirmou que a mulher já estava morta por horas e não havia a possibilidade de que pudesse ter sido enterrada viva.
“Fizemos vários exames, incluindo um de coração”, contou o médico Chrissi Matsikoudi ao canal de TV MEGA.
Uma investigação foi aberta para averiguar o caso, segundo informou o jornal “Metro”. Os parentes consideram processar os médicos que declararam a mãe de duas crianças morta na primeira vez.
Fonte: Marie Clarie

(Vale a Pena Ver de Novo) Pizzaria Dom Pedro - Dia 12 de Dezembro.

Jéssica Mazzan - Esteticista


Hotel em Brasília é esvaziado após homem fazer funcionário refém

O hotel St. Peter, no centro de Brasília, foi esvaziado no início da manhã desta segunda-feira (29) depois que um homem algemou um funcionário e o vestiu supostamente com um colete com dinamites. De acordo com testemunhas, ele fez o check-in por volta das 7h30. Às 8h, subiu para o 13º andar e bateu de quarto em quarto mandando os hóspedes descerem e informando que se tratava de uma ação terrorista.
Agentes do Corpo de Bombeiros e das polícias Civil e Militar isolaram a área e terminaram de retirar os cerca de 300 hóspedes. Até as 10h40, o sequestrador havia levado o refém cinco vezes até a sacada do hotel. O refém estava algemado, e o sequestrador armado com uma pistola.

27 de setembro de 2014